Buscar
  • Pastor Thiago Vieira

O Mestre, o Aprendiz e o Macaco

Há uma história sobre um mestre que envia seu aprendiz para se sentar à beira de um rio até que ele aprenda o que o rio tem a dizer.

O aprendiz é sincero e dedicado. 

Ele passa várias horas encontrando o melhor lugar para se sentar. 

A princípio, ele fica bem perto do banco, mas tudo o que consegue ouvir é a correria do rio. Ele está muito perto. 

Então ele se move para o topo da colina com vista para o rio. Agora ele está longe demais. 

Finalmente, ele se instala no meio de um salgueiro. 

Ele coloca seu cobertor especial, senta-se no seu travesseiro especial e começa a assistir. 

Rapidamente, ele cochila.

Quando ele acorda, ele se sente culpado por ter perdido tempo. 

Ele se esforça para se concentrar e tenta ainda mais.

Depois de três dias, o aprendiz está exausto e tem uma dor de cabeça incrível. 

Nesse momento, um macaco aparece e pula no rio, espirrando água para todo lado, gritando e brincando. 

Isso quebra a concentração do aprendiz, que começa a chorar. S

em saber o que aconteceu, ele reúne suas coisas e volta para contar tudo ao seu mestre. 

Seu mestre suspira e estica as mãos no ombro do jovem e diz: "Ah, o macaco ouviu. Você apenas assistiu."

Há muito que podemos aprender assistindo, mas observar na melhor das hipóteses nos anima a participar. 

O objetivo de observar o rio da vida é juntar-se ao rio da vida.

16 visualizações